Aspectos comerciais da doação de gametas: um problema ético

nov 15, 2006 @ 13:36|arquivo|

A discussão a respeito da reprodução assistida no Brasil aponta que o uso de tecnologias reprodutivas está informado, entre outras coisas, por uma lógica de consumo. Nesta lógica, as tecnologias reprodutivas conceptivas representam bens que podem ser adquiridos na busca do objetivo maior, que é ter um filho. Esta lógica de consumo é que estabeleceria [...]

Infertilidad e Infecundidad: acceso a las nuevas tecnologías conceptivas

abr 8, 2005 @ 14:02|arquivo|

¿Lo que hace una mujer elegible para las nuevas tecnologías conceptivas? ¿La infertilidad o la infecundidad? El deseo de hijos es razón suficiente para garantizar el acceso a las técnicas conceptivas o es necesaria una explicación médica para la infertilidad como condición de posibilidad para el acceso?

Infertilidade e Infecundidade: acesso às novas tecnologias conceptivas

fev 2, 2005 @ 14:05|arquivo|

Este artigo trata do acesso às tecnologias conceptivas discutindo o pressuposto de que o discurso biomédico seria suficiente para definir os critérios de elegibilidade das pessoas usuárias dessas tecnologias. O discurso biomédico presumia que somente mulheres e homens inférteis, isto é, aqueles com restrições físicas de fertilidade, buscariam a Medicina Reprodutiva para reproduzir-se.

Tecnologias Reprodutivas Conceptivas: o estado da arte do debate legislativo brasileiro

jan 20, 2004 @ 14:34|arquivo|

Este artigo apresenta o debate legislativo brasileiro em torno do projeto de lei que se encontra em estágio mais avançado de tramitação, o 1184/2003, de autoria do Senado Federal. O objetivo deste artigo é, ao apresentar o estado da arte do debate legislativo brasileiro, analisar os projetos de lei a partir de quatro categorias essenciais: [...]

O Impacto das Tecnologias Conceptivas nas Relações Parentais

abr 17, 2002 @ 15:04|arquivo|

A medicina reprodutiva fez surgir novos personagens nas relações parentais: para além da família mononuclear e extensa, temos agora doadores e receptores de gametas, gestantes de substituição, embriões supranumerários, em um espectro de possibilidades que oscila de células a sujeitos reais.

Novas Tecnologias Reprodutivas, Ética e Legislação no Brasil: um debate adiado

out 25, 2000 @ 15:15|arquivo|

Como a medicina brasileira caracteriza-se pela franca importação de tecnologias no campo da biomedicina, o nascimento do primeiro bebê de proveta no país em 1984, ocasionou à época um intenso debate, antes sobre a autenticidade do fato do que propriamente sobre a complexidade das questões morais envolvidas pela introdução deste tipo de técnica no país.

New Reproductive Technologies, Ethics and Gender: the legislative debate in Brazil

out 18, 2000 @ 15:18|arquivo|

In this article, we will analyse the conduct of the Brazilian legislative process regarding new reproductive technologies. Our main counter point is the debate that took place in the United Kingdom, in particular with the publication of the Warnock Report and the suggestions of the Human Fertilisation and Embryology Authority (HFEA).