Se houve ou não terror em Orlando, não podemos esquecer do horror homofóbico

jun 21, 2016 @ 18:21|imprensa, notícia|

Notícias têm um roteiro de perguntas a responder: o que, quando, onde, quem, como. Ao longo de um domingo de tragédia, as respostas foram se desenrolando: em uma madrugada de festa latina, um atirador invadiu uma casa noturna dedicada a pessoas LGBT em Orlando, Flórida. O homem abriu fogo contra a multidão que se divertia: matou 49 pessoas, feriu outras 53. Foi morto em confronto com a polícia depois de manter pessoas reféns dentro da boate por algumas horas.

Gays querem (e devem) doar sangue

jun 17, 2016 @ 17:49|imprensa, notícia|

Esse é daqueles temas que se fizéssemos uma pesquisa populacional - "você é contra ou a favor de um homem homossexual doar sangue?" - encontraríamos uma avassaladora maioria dizendo "contra, homossexuais não devem doar sangue". O que moveria essas pessoas? Medo e falta de informação; ou, se posso ser mais rude nas palavras, discriminação e ignorância.

Bichas em novelas

mar 15, 2016 @ 17:58|Vozes|

Entra novela, sai novela, e seguimos nos perguntando: vai ter beijo lésbico, beijo gay, beijo trans? Independente de quem beija, qualquer beijo é só beijo; o qualificador é uma provocação política sobre as histórias da telinha que decidem parar de fingir que afeto e planos de vida compartilhada só existem dentro da norma heterossexual da vida.

Cirurgia trans: necessidade de saúde

jan 26, 2016 @ 13:14|arquivo, artigo|

por Debora Diniz   Bernardo Gonçalves tem 22 anos e é transexual. Ao nascer, foi sexado como mulher; hoje, se apresenta como um trans homem. Para sobreviver no próprio corpo, esconde-se: anda curvo, mas não porque sofre de dores na coluna; uma faixa aperta-lhe os bustos, aquele resto volumoso que deixa seu corpo indiscreto com [...]

Ódio nas redes sociais

nov 17, 2015 @ 17:18|Vozes|

A página “Orgulho de ser Hétero” foi desativada do Facebook depois de denúncias por conteúdo ofensivo. Páginas feministas caíram em seguida, diz-se até que em retaliação. A atriz Taís Araújo sofreu ataques racistas na mesma rede social e acionou a polícia. A blogueira feminista Lola Aronovich foi alvo de uma grosseira campanha de difamação liderada por quem tem tempo de sobra e argumentos de menos para debater com ela.

Orgulho de ser hétero: as fronteiras entre a fala livre e a odiosa

nov 10, 2015 @ 14:52|arquivo, notícia|

Texto publicado no portal Justificando   Eles são inseguros, mas têm orgulho de ser machos e muitos. Descrevem-se como representantes do movimento “orgulho hétero”, reclamam dia nacional de combate à heterofobia, apresentam panteão próprio de heróis e representantes políticos. Desconheço mulheres participantes do “orgulho hétero”, talvez porque a veadagem incomode mais aos homens machos que [...]

Objeção de consciência

out 28, 2015 @ 16:58|Vozes|

Semana sim, semana não, o papa Francisco está em manchetes. Tempos atrás, quando concedeu perdão temporário ao pecado aborto, usou linguagem nativa da igreja católica. Desta vez, o papa resolveu falar em direitos e escolheu objeção de consciência como tema. Anunciou que servidores públicos podem se recusar, em nome de suas crenças religiosas, a mover burocracia estatal para que pessoas se casem.

Mulheres e transexuais: protegidas pela Lei Maria da Penha?

out 26, 2015 @ 15:00|arquivo, notícia|

Texto publicado no portal Justificando   A novidade é a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo — uma transexual solicitou amparo na Lei Maria da Penha para se proteger do ex-companheiro, que a agredia e perseguia. Não foi a primeira sentença que reconheceu na expressão mulher da LMP sentidos para além da substância [...]

Objeção de consciência não pode servir para práticas discriminatórias

out 6, 2015 @ 16:07|arquivo, notícia|

Texto publicado no portal Justificando   O trajeto era de volta para casa depois uma viagem inovadora. Papa Francisco visitou Havana e a 5a Avenida, em Nova York. Tudo ia bem nos sermões sobre refugiados, pobreza ou perdão aos presos. Não sei se ele já estava cansado de agenda tão politicamente global e laica para [...]

Mulheres da Lei Maria da Penha

out 5, 2015 @ 17:11|Vozes|

Ela é trans: sofreu violência, denunciou e reclamou direito à Lei Maria da Penha. Em primeira instância, seu pedido foi negado por juiz que pretendia saber mais sobre quem era a vítima do que ela mesma. O Tribunal de Justiça de São Paulo voltou atrás, e garantiu a proteção legal prevista para quem se apresenta como mulher. Por aqui não temos dúvidas: aplicar a Lei Maria da Penha é decisão justa para a trans que sofreu violência na casa, pelas mãos do ex-companheiro.