Bullying nas escolas

fev 14, 2016 @ 18:32|Vozes|

Acaba de começar a valer a Lei 13.185/2015, que criou o programa de combate ao bullying, traduzido para o português como intimidação sistemática. Diz a lei que a prática pode envolver agressões físicas, xingamentos, ameaças, isolamento, chacota e até assédio sexual. Talvez por isso usemos a palavra em inglês: para distrair o espanto de saber que pode haver tanta violência entre crianças e adolescentes no espaço escolar, que deveria ser seguro.

Tortura no Ceará

fev 10, 2016 @ 18:38|Vozes|

O sistema é chamado de socioeducativo, e a Lei 12.594/2012 fala de “integração social do adolescente e a garantia de seus direitos individuais e sociais” como um de seus objetivos. Para os 865 adolescentes que cumprem medida de internação no Ceará, socioeducação tem outro significado: viver em celas superlotadas, sem colchões ou com chão constantemente molhado por infiltrações, sem escola ou atividades educativas, com alimentação precária, sem cuidados médicos para ferimentos, doenças e sofrimento mental e sem contato com a família. Profissionais do Centro de Defesa da Criança e do Adolescentes (Cedeca) cearense descrevem as frequentes rebeliões como “esperadas” diante da sobrevivência nessas condições.

Não grite eugenia: ouça as mulheres

fev 4, 2016 @ 17:15|arquivo, artigo, Vozes|

por Debora Diniz   Eu queria que você me escutasse: por favor, não grite “eugenia!” Essa é uma palavra maldita, carrega um passado de pânico e anuncia um futuro no qual nenhuma de nós quer viver. É verdade, os nazistas foram eugênicos. Eles foram até mais do que isso: houve práticas de exceção e de [...]

Zika e aborto

fev 3, 2016 @ 18:53|Vozes|

A epidemia de zika vírus é hoje uma preocupação global. É época de temor para mulheres, pois a infecção por zika durante a gravidez pode provocar singularidades neurológicas no feto. Países onde o aborto é legalizado e faz parte dos direitos reprodutivos das mulheres observam atentamente o Brasil, e perguntam: o que será feito para proteger a saúde das mulheres por aqui?

Trans e cirurgia

jan 29, 2016 @ 19:01|Vozes|

Bernardo Gonçalves cansou de esperar atendimento em um hospital público. Criou uma campanha online para arrecadar dinheiro para fazer uma mamoplastia masculinizadora. Bernardo é um homem trans, e o busto faz-lhe viver encurvado e apertado em uma faixa compressora. A cirurgia lhe permitirá esticar a espinha e caminhar sem dor pela rua, respirar melhor enquanto ensina crianças a tocar instrumentos musicais.

Enem e Violência

jan 20, 2016 @ 19:12|Vozes|

Quando o tema da redação do Enem 2015, a persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira, se tornou conhecido, houve quem comemorasse a relevância do assunto para a cidadania — como nós, do Vozes da Igualdade. Mas houve também quem reclamasse de uma “doutrinação feminista” ou quem, por ingenuidade ou má-fé, questionasse o tema afirmando que o número de homens afetados por violências diversas seria tão maior.

Bebê índio morto

jan 15, 2016 @ 19:47|Vozes|

Em 30 de dezembro de 2015, Vitor Pinto, um bebê indígena Kaingang de 2 anos, foi assassinado por um homem branco enquanto comia no colo da mãe, Sônia. Mãe e bebê aguardavam na rodoviária de Imbituba, em Santa Catarina, enquanto o pai, Arcelino, a irmã Elionai e o irmão Jessé trabalhavam vendendo artesanato para turistas.

Zika vírus

dez 23, 2015 @ 17:36|Vozes|

O tema não é simples, por isso vamos por passos: aumentou o número de casos registrados de recém-nascidos com microcefalia no país, especialmente na região nordeste. Microcefalia é uma má-formação cerebral que pode provocar problemas graves no desenvolvimento de crianças. Na tentativa de entender esse surto recente, autoridades de saúde levantaram a hipótese de que os casos estejam associados a infecções pelo vírus zika sofridas pelas mulheres grávidas.

Violência contra as mulheres em universidades

dez 15, 2015 @ 17:39|Vozes|

Sabemos o roteiro das histórias favoritas da vida universitária: novas amizades, disciplinas adoradas e odiadas, happy hours, movimentos estudantis. Mas há outras histórias sobre as quais precisamos falar urgentemente. São casos em que salas de aula e salas de casas, ruas de dentro e de fora dos campi se assemelham na apropriação patriarcal de corpos de mulheres. Nosso tema da semana é a violência contra mulheres em universidades.

Sociedade sem manicômio

dez 11, 2015 @ 17:44|Vozes|

O anúncio da substituição da Coordenação Nacional de Saúde Mental do Ministério da Saúde deixou movimentos da luta antimanicomial em rebuliço. O antigo coordenador, Roberto Tykanori, ajudou a denunciar maus-tratos que levaram ao fechamento de um manicômio dirigido por anos pelo novo nomeado, Valencius Duarte W. Filho. As diferenças de currículo são indícios de retrocesso na política de atenção a pessoas em sofrimento mental: de uma rede territorial e comunitária de cuidado em liberdade, construída pela reforma psiquiátrica, para o modelo anterior de isolamento e tratamentos degradantes em máquinas de abandono disfarçadas de hospitais.